EVENTOS E VARIEDADES
 
  
 
06/03/2009

Mostra Graffiti 76% Quadrinhos em Belo Horizonte

Está em cartaz na Biblioteca Pública Infantil e Juvenil de Belo Horizonte a exposição Graffiti 76% Quadrinhos, que faz uma retrospectiva dos primeiros dez anos da revista independente de mesmo nome. A biblioteca fica na Rua Carangola, 288, em Santo Antônio.

A mostra traz banners e originais de Luciano Irrthum, colaborador da revista e autor do álbum A Comadre do Zé, o terceiro volume da Coleção 100% Quadrinhos, lançado no último dia 19 de fevereiro.

A curadoria é do quadrinista Piero Bagnariol e da artista plástica Isabel Correa de Sá. A mostra permanece aberta até o dia 31 de março e pode ser visitada de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h30; e nos dias 14 e 15, das 9h30 às 12h15. O evento, com entrada gratuita, é uma promoção da Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Fundação Municipal de Cultura e da BPIJBH.

A mostra, instalada no hall de entrada, narra a trajetória dos primeiros dez anos da revista Graffiti 76% Quadrinhos. A publicação dedica-se à difusão e experimentação dos trabalhos autorais de quadrinistas brasileiros, além de publicar matérias sobre grafite, música, literatura e artes plásticas. Já foram lançadas dezoito edições – contando com o número zero. Desde 1995, exceto em 98, 2002, 2004 e 2005, a revista conta com os benefícios da Lei Municipal de Incentivo à Cultura.      

Foram publicadas cerca de 180 histórias de mais de 60 autores brasileiros, cubanos, argentinos e italianos. Por suas edições já passaram quadrinistas de renome como Marcelo Lélis, Paulo Barbosa, Guazzelli, Mozart Couto, Nilson, Lucas Nine, Melado e Luciano Irrthum, além de séries de entrevistas com os músicos Itamar Assumpção, Tom Zé, Nelson Sargento, Wilson Moreira, quadrinistas como Luiz Gê, Miguelanxo Prado e José Muñoz, e personagens anônimos cuja história se associa aos temas propostos por cada número.

Lançada em março de 1995, a revista atua na área da educação e promove cursos, palestras e seminários. Reconhecida pelas grandes autoridades do tema no Brasil, a Graffiti coleciona alguns prêmios em sua trajetória. A revista é premiada cinco vezes com o Troféu HQMix – quatro na categoria Projeto Gráfico e um na categoria Revista Mix. A premiação, que acontece todo ano em São Paulo, é considerada a principal do gênero na América Latina.        

Para mais informações, entre em contato com a BPIJBH no telefone (xx31) 3277-8651.



  facebook

 

 



 


 

Seções
HQ Maniacs
Redes Sociais
HQ Maniacs - Todas as marcas e denominações comerciais apresentadas neste site são registradas e/ou de propriedade de seus respectivos titulares e estão sendo usadas somente para divulgação. :: HQ Maniacs - fundado em 19.08.2001 :: Brasil